Permissão do conteúdo

Carboxiterapia

Você conhece a carboxiterapia? Hoje vamos falar desse tratamento estético que surgiu por volta de 1930 na França e tem se popularizado cada vez mais no Brasil.

A carboxiterapia consiste em um procedimento estético baseado na injeção de gás carbônico (CO2) sob a pele do paciente. Esse gás é injetado através de uma fina agulha estéril acoplada a um aparelho próprio para o procedimento. Essa terapia é indicada para combate de gordura localizada, tratamento de celulite, redução de estrias e também de olheiras.

             O gás da carboxiterapia funciona melhorando a circulação sanguínea e a oxigenação dos tecidos, além de estimular a produção de colágeno e destruir as células de gordura e fibroses do tecido subcutâneo. Ao ser aplicado sob a pele, o CO2 estimula a circulação sanguínea no local e consequentemente melhora a oxigenação da região. O aumento da circulação sanguínea local é ponto importante para tratamento de celulite e gordura localizada, pois aumenta o metabolismo na região e dessa forma a queima de gordura. O aumento da oxigenação também é importante no tratamento das olheiras e estrias, o que leva a melhora da aparência da pele e estimula a síntese de colágeno.

            Apesar de parecer doloroso, o procedimento da carboxiterapia gera apenas um pequeno desconforto pela picada da fina agulha e leve ardência pela introdução do gás sob a pele, mas que desaparece em poucos minutos. A técnica deve ser feita apenas por profissionais de estética qualificados e em clínicas com os equipamentos adequados, sendo necessárias em torno de 10 sessões para se obter ótimos resultados.

            Ficou interessado nos benefícios desse tratamento? Consulte sua esteticista e continue acompanhando o Canal da Estética para mais dicas e novidades!

Compartilhar
Indicar para um amigo
Obrigado!
Continuar lendo...
Bio-C
 

QUER SABER DE TODAS NOVIDADES?
Cadastre-se em nossa Newsletter

Cadastro efetuado com sucesso!
 

Nos acompanhe nas redes sociais

Facebook Twitter Instagram